Calanchoê

Kalanchoe blossfeldiana Poelln.

 

 

Herbácea suculenta, perene, ereta, muito florífera e ramificada, originária de Madagascar, com 25-35 cm de altura, de florescimento vistoso. Folhas ovaladas, carnosas, glabras, de margens denteadas, de 8-14 cm de comprimento. Inflorescência terminais e axilares, em corimbos compactos, contendo flores vermelhas, róseas, amarelas ou alaranjadas, muito ornamentais e bastante duráveis. As variedades de flores dobradas são chamadas de Calandivas ou Kalandivas.

 

É cultivada geralmente em vasos e jardineiras para interiores bem iluminados, mas também diretamento no solo como bordadura de canteiros e ao longo de passeios, ou em grupos formando conjuntos isolados no meio de gramados ou de permeio com rochas em jardim de seixos, em locais ensolarados, com terra rica e bem drenada, evitando desta forma o excesso de umidade. Aprecia temperaturas amenas de inverno, porém não resiste a geadas.

 

Multiplica-se por sementes; por estacas e folhas geralmente resulta em mudas imperfeitas.