Dipladênia

Mandevila x amabilis (hort. Backh. ex Flor. & Pomol.) Dress.

 

 

Subarbusto trepador volúvel, perene e lactescente, de pequeno vigor e muito florífero, originário de melhoramento hortícola; folhas cartáceas, discolores, com a superfície superior verde-escura, provida de nervação impressa que a deixa com aspecto ondulado ou bulado, de 7-11 cm de comprimento, com pecíolo de cerca de 0,5 cm. Inflorescências terminais em racemos longos, com poucas flores de corola em forma de funil de cor róseo-avermelhada, produzidas principalmente durante o verão. As plantas de flores vermelhas e brancas conhecidas pelos mesmos nomes populares pertencem a outras espécies.

 

É indicada para cultivo ao longo de cercas e alambrados, bem como para cobrir espaldas e pérgolas, sempre a plena sol, em solos bem drenados e ricos em matéria orgânica. Não tolera geadas e aceita podas de contenção após o período de floração.

 

Multiplica-se por sementes e estacas.

 

Fonte: PLANTAS PARA JARDIM NO BRASIL - Harri Lorenzi

Plantas > Plantas da Estação > Dilpadênia